Os Bandeirantes

Laysa Cristina de Andrade,

Letícia O. F. E. Silva,

Maria Anunciada da Silva,

Melissa Saccheto,

Valéria do C. Camargo Silva e

Vivian Santana Chagas.

 

Através do conhecimento indígena sobre a natureza, os bandeirantes desbravaram e conquistaram o interior, conhecendo na mata detalhes que os europeus não percebiam. As bandeiras eram usadas para capturar novos escravos, índios que eram vendidos para trabalhar na lavoura.

Mobilizando quase toda a cidade de São Paulo, os bandeirantes juntamente com os índios aculturados, ou tribos aliadas, participavam das expedições da captura de novos índios, trabalhando com guias, caçadores ou cozinheiros.

Os índios escravizados eram chamados também de negros da terra, expressão usada para diferenciá-los dos escravos africanos, conhecidos como negros Guiné.

Em 1750, a Coroa Portuguesa estabeleceu uma lei que só poderiam ser escravizados, os índios capturados nas chamadas guerras justas, amparando os bandeirantes que toda escravidão, justificavam como guerra justa.

 

Problematizando:

  1. Qual motivo levou os Bandeirantes à caça aos índios?

Entradas e Bandeiras

 Entradas e Bandeiras são quase sinônimos. Entrada tem por vez, acepção mais genérica, referindo se as expedições originadas de diversas partes do Brasil, formadas por iniciativa pública ou particular, ao passo que a expressão bandeira remete as expedições dos paulistas.

As bandeiras eram compostas, basicamente, de índios escravizados ou aliados, alguns colonos, capelão ou chefe branco ou mameluco (mestiço de branco com índios). O numero de participantes podia variar entre algumas poucas dezenas e centenas de indivíduos.

Os bandeirantes se beneficiaram da cultura indígena, sobretudo no que se refere ao controle da natureza, para desbravar e conquistar o interior. Também chamados de sertanistas, eles logo aprenderam a conhecer o potencial da fauna e da flora e a visualizar na mata detalhes antes imperceptíveis aos europeus.

 

Problematizando:

  1. O que foram as “Bandeiras” e por quem eram compostas?

Paulistas em ação

Segundo relato de um jesuíta, o método usual dos paulistas consistia em cercar aldeia e persuadir seus habitantes, pela força ou por meio de ameaças, a acompanhá-las ate São Paulo. Um destino terrível estava reservado para as aldeias que ousassem resistir. Nesses casos, os portugueses “entram, matam, queimam e assolam. [...] e casos houve em que queimaram povoações inteiras só para terror espanto dos que ficavam vizinhos”.

A longa caminhada ate São Paulo prometia horrores adicionais, como “matar os enfermos, velhos, aleijados e crianças que impedem os pais ou parentes a seguirem a viagem com a pressa e expediência que eles pretendem”. Outro padre denunciou que os paulistas se comportavam “com tanta crueldade que não me parecem ser cristãos, matando as crianças e os velhos que não conseguem caminhar, dando-os de comer a seus cachorros.”

clip_image001

Domingos Jorge Velho: um dos mais importantes Bandeirantes

 

Mapa das principais expedições bandeirantes

Partindo de vilas como São Paulo, Taubaté e Santana de Parnaíba, os bandeirantes paulistas agiram em interesse próprio, aprisionando índios para suas lavouras ou buscando pedras e metais preciosos, além de atuarem como mercenários nas lutas contra índios e quilombos nas capitais situadas no atual Nordeste Brasileiro.

Problematizando:

1. Os caminhos que os Bandeirantes percorreram ajudaram para o desenvolvimento das principais Rodovias? Explique.

2. Analise o mapa citando as principais Rodovias.

Progressão ou Regressão

É muito importante também destacar o papel do Rio Tietê, já que ele foi importante para os bandeirantes em sua jornada e continua tendo sua relevância hoje, por ser o único rio que corta o Estado de São Paulo rumo ao interior, desaguando no Rio Paraná.

No caminho dos Bandeirantes, o rio é estrada, apoio, alimentação e, por vezes, obstáculo. Entretanto, mesmo tendo que carregar pesadas embarcações por trechos longos, ainda era o melhor caminho. Foi por ele que o Oeste paulista e o Oeste Brasileiro foram descobertos e explorados pelos europeus. Através de suas águas voltaram às notícias das novas terras, possibilidades e riquezas. Em suas margens, os primeiros centros urbanos desenvolveram-se e serviram de berço para a grandeza de nosso Estado.

Discute-se sua utilidade no passado e atualmente a preocupação do espaço ao descaso ambiental, pois o rio serve como fluxo de dejetos que ocasionam enchentes, desta forma a falta de conscientização, os desmatamentos e a má qualidade da água, são constantes que estão ocasionando a desproporção da qualidade de vida.

 

Problematizando:

1. Observe as imagens, e cite o que influenciou para a transformação do Rio Tiete.

2. Dê sugestões de como poderíamos salvá-lo dessa catástrofe ambiental.

clip_image002[5]

 

Conclusão

A historia que você leu foi inspirada e fundamentada em documentos históricos referentes a epopéia bandeirante. Sem duvida, os primeiros habitantes de São Vicente e de São Paulo foram homens de extraordinária fibra, corajosos debravadores das terras que se estendia para além da linha de Tordesilhas. Na verdade, os paulistas dos primeiros tempos não tinham muitas alternativas: ou enfrentavam a mata e seus desafios ou iriam embora.

Na falta de mão de obra relacionada a agricultura, os paulistas entregaram-se a caça de índios e mais tarde dedicaram –se a procurar pedras preciosas.

A conduta dos bandeirantes paulistas era caracterizada em violência, especialmente em confronto com índios e negros.

As ações existiram e fazem parte de nossa história. Populações inteiras de pequenas, médias e até grandes cidades tais como Santana do Parnaíba, Pirapora de Bom Jesus, Salto, Itu utiliza-se dos rios apenas como meio de transporte para dejetos. Mas algumas ações de preservação e conscientização já estão sendo feitas.

 

Vamos Pensar Um Pouco - Após a leitura do texto, podemos indagar:

a) Qual seria o principal objetivo dos Bandeirantes? Justifique.

b) Por que o Rio Tietê era tão importante para os paulistas na época dos Bandeirantes? Explique.

c) E hoje, qual a importância desse rio para São Paulo? Explique.


2 Respostas to “Os Bandeirantes”

  1. a) Desbravaram o interior do Brasil!
    Expandiram nossas fronteiras!
    Criaram rotas e caminhos para o interior do país!
    Encontraram metais e pedras preciosas!
    b) Porque o rio tiete foi a forma mais fúsil de desbravar o interior pois era mais prático navegar do que cortar arvores e cipos pela mata.
    c) A importunância do rio tiete atualmente e para o despejamento do esgoto do estado de são paulo. tao qual que o rio tiete esta estrema nente poluído

  2. É muito interessante toda história dos bandeirantes.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

%d blogueiros gostam disto: